O Bolsa-família foi criado originalmente por FHC e a Estabilização da Economia, que permite vida melhor e MELHOR RENDA aos brasileiros mais pobres
é OBRA DE ITAMAR E FHC!

- O que não se perdoa ao Presidente FHC é o seu Sucesso! -

Aos Blogueiros Decentes
Ainda que teus passos pareçam inúteis, vai abrindo caminhos,
como a água que desce cantando da montanha. Outros te seguirão...
(Saint-Exupéry)


19 de maio de 2012

Políticos "de ontem"... e políticos... "DE HOJE"!

Li um texto em um jornal de bairro, me parece de propriedade (ou ligação de parentesco) de ex-mulher do ex-marido da ex-Alcaida Marta (do PT!!!). Pelas colocações do autor e pelos argumentos absolutamente energumentáveis (na minha opinião) nem me preocupei em guardar o nome do... "analista", mas comentava o... jornalista... (eheh) em clara depreciação à figura de José Serra, as palavras do "recordista planetário em títulos honoris causa sem motivo", "de que"... (eheh) "Serra é um político "de ontem".

Concordo plenamente! É verdade!
Os paulistanos, que sabem ler e entender o que leram, tem plena consciência que Serra é, mesmo, um político de Ontem.
Aliás, é por essa razão que Serra é tão respeitado em São Paulo, como Republicano QUE É e como político "de ontem"!

E É ESSA LIGAÇÃO ANTIGA COM A HONRA, A HONESTIDADE E A COMPETÊNCIA QUE DIFERENCIA JOSÉ SERRA dos políticos "DE HOJE"... os políticos DOS MENSALÕES, DOS MENINOS "ALOPRADOS", DA PROVIDENCIAL IGNORÂNCIA DO "eu não sei de nada!" e dos nauseantes PACtos e acordos com as "DELTAS" e com as águas imundas das "CACHOEIRAS"...
Ainda bem para São Paulo, e para o Brasil, que José Serra NÃO É IGUAL AOS políticos... "DE HOJE"!

12 de maio de 2012

TEM A VER COM VOCÊ E SUA FAMÍLIA, SIM!

Com o que temos visto e ouvido na IMPRENSA HONESTA E VERDADEIRA...

Até quando você vai achar que não é com você e com sua família?
Até quando você que está quieto, calado, passivo e aceitando "Maracutaia" após "Maracutaia", vai continuar assim?
Até... decidirem COMO você deve viver e COMO educar seus filhos?
Você só vai pensar nisso, quando vierem te... buscar?

Nunca será demais lembrar as palavras de Martin Niemöller:

Primeiro, os nazistas vieram buscar os comunistas,
mas, como eu não era comunista, eu me calei.

Depois, vieram buscar os judeus,
mas, como eu não era judeu, eu não protestei.

Então, vieram buscar os sindicalistas,
mas, como eu não era sindicalista, eu me calei.

Então, eles vieram buscar os católicos
e, como eu era protestante, eu me calei.

Então, quando vieram me buscar...
Já não restava ninguém para protestar.

11 de maio de 2012

Inteligência de quem apoia a EX-querda...


Realmente não entendo como empresários e algumas grandes empresas apoiam governos populistas socialistas e, claramente, totalitários, mesmo que atuem como personagens de "Paz e Amor".
Os empresários bem sucedidos e suas empresas, para chegarem a ser grandes... utilizaram inteligência.
Ora, TODOS OS EXEMPLOS NO PLANETA das grandes empresas que apoiaram populistas totalitários, pelos resultados, levam a concluir que foram de uma ingenuidade e inocência à toda prova e TODAS foram eliminadas ou incorporadas ao patrimônio do "povo"... eheh...

A opção é de cada um, mas, afinal, nos regimes populistas e totalitários... os inocentes úteis e os idiotas úteis (que pensavam só na sua fatia do bolo...) SEMPRE serão os primeiros "descartados" quando os objetivos forem atingidos.
Inteligência... onde?

9 de maio de 2012

É possível identificar... mesmo difícil

O grande problema para o eleitor brasileiro, em relação à política, não é escolher entre a água e o óleo(graxa?)...

A dificuldade para o eleitor é que entre a água e o óleo(graxa?), existem alguns espécimes "sui generis" e suas opções e escolhas dependem, sempre, do lado que... "se viram".

De um lado são absolutamente reflexíveis e impermeáveis e não aceitam "maracutaia" sob nenhuma hipótese.
Já do outro lado... são extremamente absorventes!

Para descobrir se deve dar seu voto, preste atenção ao lado "absorvente":
Se estiver cheio, ou enchendo...
Evite!

7 de maio de 2012

Doença não é... "brincadeira"

Quem brinca de "estar doente" e utiliza a "doença" para fins excusos... acaba sempre se dando mal.
Não se brinca com a própria vida e com a solidariedade das pessoas para "caçar dividendos"

2 de maio de 2012

Senna x políticos brasileiros - Água e... "graxa"?

O Brasil parou em 1° de Maio de 1994.
Senna morreu!
Grande parte do Planeta parou!

Nesse dia eu trabalhava no interior do RJ. Perdi o tesão! Interrompi meu trabalho e voltei para casa, com um sentimento de perda familiar.
A grande maioria das pessoas sentia o mesmo. E lamentaram, como eu, a morte de um brasileiro que, verdadeiramente, dignificou o país, com seu talento e seu pensamento nos brasileiros mais humildes (Instituto Ayrton Senna).
O Brasil parou!
E homenageou Ayrton Senna, com pesar e sinceridade!
Sem nenhum interesse, que não fosse GRATIDÃO!

Dias depois o Grupo Gandini, de Itu, ocupou 1 pagina de grande Jornal de SP, com a seguinte mensagem (tudo em maiúsculas):

"QUE A VIDA DESSE JOVEM SIRVA DE EXEMPLO AOS NOSSOS HOMENS, PRINCIPALMENTE AOS NOSSOS POLÍTICOS.
VEJAM SENHORES, PELAS HOMENAGENS RECEBIDAS, COMO É BONITO SER HONESTO, HONRADO E HUMILDE.
AYRTON:
VOCÊ DIGNIFICOU O NOSSO BRASIL"

Senna continua merecendo a homenagem!
Mas... 18 anos depois, para os "nossos políticos" parece que a mensagem não serviu para nada!

Hoje, quando morre um político, a maioria dos brasileiros pensantes, além de ficar aliviada, sente... NADA!
Afinal, é um a menos para praticar "Maracutaia", mesmo que a expectativa em relação ao que ocupar o lugar seja a mesma: MAIS UM dos muitos!

Além das contas pesadas a ajustar com a própria essência, pelos seus atos...
Por que, senhores políticos, não começam a pensar no que vão levar para depois?
Homenagem e sentimento de pesar?
Ou alegria e o alívio de todos os brasileiros pensantes, porque haverá um a menos?